FAÇA AS MALAS

Quando ir

De novembro a março, é a temporada de primavera-verão, com dias extensos iluminados por cerca de 20 horas. Período também ideal para a pesca desportiva. Em abril, a mudança de estação promove um belo espetáculo de cores. Em outubro, as paisagens nevadas são inigualáveis. Nas últimas semanas de julho, realiza-se em Punta Arenas um festival de inverno, com encontros culturais, música, exposições de arte, feira de artesanato, encontros literários e eventos esportivos.


Que roupa levar

As temperaturas variam muito ao longo do dia por causa dos ventos. À noite, sempre esfria. Assim, vá preparado para enfrentar calor e frio. Dentro de hotéis e restaurantes, sempre há calefação. Óculos de sol e protetor solar são artigos indispensáveis.


Como chegar a Punta Arenas (capital da província de Magalhães)

A parceria TAM/LAN (www.tam.com.br / www.lan.com) oferece voos de ida e volta do Recife a Punta Arenas para a próxima temporada (começando em outubro), a partir de R$ 1.200 mil, em média. A SkyAirline (www.skyairline.cl) é outra opção de voo interno dentro do Chile, com trechos de Santiago a Punta Arenas desde R$ 200.

Para Ushuaia, a passagem de ida e volta fica a partir de R$ 1.800, também pela TAM. Pela Gol, o trecho Recife-Buenos sai a partir de R$ 1.155. De Buenos Aires a Ushuaia, pela Aerolineas Argentinas (www.aerolineas.com.ar), são mais R$ 1.200.


Como chegar a Porvenir (capital da província da Terra do Fogo)

Há voos regulares diários da Aerovías DAP (www.aeroviasdap.cl) entre Punta Arenas e Porvenir, com saídas de segundas a sextas, três vezes ao dia. No sábado, são dois voos. O trajeto dura 12 minutos. Os horários podem mudar de acordo com a época do ano e as condições climáticas. Custa 52.307 pesos chilenos (cerca de R$ 250) ida e volta.

Por via marítima, a Austral Broom (www.tabsa.cl) tem saídas diárias, com exceção da segunda-feira. Os horários variam. A viagem dura duas horas e 10 minutos, com condições climáticas favoráveis. Custa 5.500 (cerca de R$ 25)

Para voos charter direto a Pampa Guanaco, é preciso fazer cotação de acordo com número de pessoas, data e tempo de espera.


Como chegar a Puerto Williams (capital da província da Antártica Chilena)

Em voos regulares da DAP (www.aeroviasdap.cl), de segunda a sábado, partindo de Punta Arenas. A viagem dura uma hora e 15 minutos. Custa 136.350 pesos chilenos (cerca de R$ 681) ida e volta.

A Austral Broom (www.tabsa.cl) também leva por via marítima, numa viagem de 30 horas. Sai de Punta Arenas todas as quartas-feiras do ano e regressa aos sábados. Custa US$ 186 (cerca de R$ 380, adultos em assento) ou US$ 258 (R$ 520, em camarote). Crianças entre dois e dez anos, pagam a metade.


Onde se hospedar

Em Punta Arenas:

Hotel Cabo de Hornos (reservas@hotelesaustralis.com / www.hotelcabodehornos.com) - Diária a US$ 125 (R$ 250), em quarto duplo com café da manhã, de 16 de abril a 15 de setembro; e US$ 210 (R$ 420), de 16 de setembro a 15 de abril)

Hotel Diego de Almagro (www.dahoteles.com) – Diária a US$ 172 (R$ 345), em quarto duplo. Pacote de três noites em quarto com vista para o mar e café da manhã para dois sai por US$ 334 (R$ 670)


Na Ilha Grande da Terra do Fogo:

Lodge Deseado (www.lodgedeseado.cl / deseadolodge@gmail.com), no Lago Deseado

Diárias custam US$ 280 (R$ 560), para duas pessoas, ou US$ 333 (R$ 666), para três, com café da manhã e uso livre de caiaque. Programa com tudo incluído de quatro dias e três noites sai por US$ 2.090 (R$ 4.180) por pessoa em cabana dupla, ou US$ 1.570 (R$ 3.140), por pessoa em cabana tripla. Inclui transporte de ida e volta desde Punta Arenas, três refeições, navegação em zodiac, caminhada e guia.

Para pescadores, há pacotes de quatro dias e três noites, por US$ 2.490 (R$ 4.980, duplo) ou US$ 1.810 (R$ 3.620, triplo) por pessoa. Inclui transporte desde Punta Arenas, três refeições, guia e pesca nos lagos Deseado, Despreciado e Fagnano, além dos rios Las Turbas e Grande.

Para mochileiros, há seis alojamentos a US$ 60 (R$ 120) a diária.


Hostería Las Lengas (www.hosterialaslengas.com), a 100 metros do Lago Blanco

Diária a US$ 233 (R$ 466) em quarto duplo com café da manhã ou US$ 275 (R$ 550) no triplo. Cabana para seis pessoas custa US$ 166 (R$ 332) e para quatro pessoas, US$ 146 (R$ 292). Menu completo sai a US$ 39 (R$ 78) por pessoa. Atividades: cavalgada (US$ 63 ou R$ 126), pesca em bote no Lago Blanco (US$ 208 ou R$ 416)


Em Puerto Williams:

Lakutaia Lodge (www.lakutaia.com / ventas@lakutaia.cl /ventaspatagonia@lakutaia.cl)

Diária a US$ 300 (R$ 600) em quarto duplo com café da manhã. O programa Conheça Cabo de Hornos inclui translado aéreo desde Punta Arenas, todas as refeições, bebidas e excursões ao Parque Etnobotânico Omora, navegação até a Bahía Wulaia ou Puerto Toro, a depender do clima, trekking ao Cerro Bandeira e cavalgada de uma a três horas, visita ao Museu Martín Gursinde, bicicleta e golfe. Custa US$ 1.900 (R$ 3.800) por pessoa.


O que fazer

Cruzeiro de Expedição Stella Australis (www.australis.com)

De Punta Arenas ao cabo de Hornos e Ushuaia, com possibilidade de desembarque em Puerto Williams. Quatro noites com todas as refeições e excursões incluídas. Custa a partir de US$ 1.258 (R$ 2.516)


Pesca com mosca

De 15 de outubro a 15 de abril é a temporada oficial de pesca. A Magallanes Fly Fishing ( rafael@magallanes-flyfishing.com / 00 56 97 9578636) oferece programas variados entre bosques e montanhas. Uma semana com tudo incluído na Terra do Fogo custa a partir de US$ 4.500, de novembro a março.


Parque Karukinka (www.karukinkanatural.cl)

Localização: Quilômetro 14, da Rota Y-85, Bahía Inútil. Fica a aproximadamente 114 quilômetros de Porvenir. É recomendado agendar com antecipação a visita, que ocorre de terça a domingo, das 11h às 18h. A entrada custa 12 mil pesos chilenos (cerca de US$ 24 ou R$ 50). Crianças menores de 12 anos não pagam. Mais informações. Fone: 56 61 613420.


Parque Pinguino Rey (info@pinguinorey.com / www.pinguinorey.cl)

Localização: O centro de controle do parque está a 160 quilômetros ao sul de Porvenir, pela rota Y-85 (Vicuña-Yendegaia). Visitas devem ser previamente agendadas no site. A entrada custa US$ 10 (cerca de R$ 22). Também há opções de hospedagem em Vicuña (US$ 70 a habitação dupla, US$ 65 a tripla, US$ 550 a cabana completa e US$ 15 o camping) e no Lago Escondido (US$ 85 o quarto duplo, US$ 75 o triplo e US$ 400 a cabana) , desde que as reservas sejam feitas com pelo menos um mês de antecedência. Aluguel de bicicleta sai por US$ 21 meio dia e US$ 40 o dia inteiro. Contato: Ricardo Muza. Telefone: 56 61 613-334. E-mail: rmuza@wcs.org.


GASTRONOMIA

À mesa, a região de Magalhães é orgulhosa. De sua diversidade, qualidade e sabor. Não é para menos. A riqueza de mariscos e pescados, associada a carnes típicas patagônicas, faz da gastronomia local uma das mais ricas do mundo. Sua característica primordial é a mescla de tradições indígenas com as influências trazidas pelos imigrantes. Para experimentar, em Punta Arenas:

Restaurante Remezón (www.patagoniasalvaje.cl / remezon@hotail.com). Ceviche misto (US$ 11 ou R$ 22); Perna de guanaco estofada com cerveja Austral e fettuccine al molho de pimenta morrón vermelha (US$ 18 ou R$ 36); cordeiro da estação, com batata do dia e alface (US$ 11 ou R$ 22)

Restaurante La Luna (www.laluna.cl). Ostiones ao parmesão (US$ 19 ou R$ 36); Timbal de centollas (US$ 17 ou R$ 34); Chuletas kassler, com batatas ao vapor e molho patagônico (US$ 21 ou R$ 42)

Restaurante La Marmita (www.marmitamaga.cl). Atum selado em queijo com tabule de quínua (US$ 18 ou R$ 36); congrio colorado e risoto de fungos silvestres ao coentro (US$ 14 ou R$ 28)

Mais informações sobre a Região de Magalhães e Antártica Chilena:

www.sernatur.cl
www.thisischile.cl
http://chile.travel