Recife em Transformação


Em 3 de abril de 1919, o Jornal do Commercio circulou pela primeira vez nas ruas do Recife. O jovem periódico, instalado no imóvel de número 295 da Rua 15 de Novembro, no bairro de Santo Antônio, no Centro, nasceu no tempo em que a capital pernambucana passava por mudanças.

O Recife se modernizava e o jornal acompanhava o nascimento de uma nova cidade. Caminhando para os 100 anos de vida, a serem celebrados em 2019, o Jornal do Commercio viu o Bairro do Recife perder suas feições coloniais e ressurgir com uma arquitetura eclética, assistiu à abertura da Avenida Boa Viagem e à inauguração do Aeroporto dos Guararapes, registrou a construção dos primeiros arranha-céus, foi testemunha do embelezamento de praças e da elite que passou a ocupar as ruas, antigo território das camadas populares.

Nessas transformações, mesmo sem sair de casa, o JC mudou de endereço quando a Rua 15 de Novembro passou a ser denominada Rua do Imperador Dom Pedro II, agora com o número 346. O jornal que deu seus primeiros passos numa época em que telefone só tinha três dígitos – a redação atendia pelo número 601 – e convida os leitores a fazer um passeio pelo Recife urbano nas páginas a seguir.




Paraíba era grafada com h e y, sucesso se escrevia com duas letras cês, a palavra Espanha começava com H e o verbo afirmar tinha dois efes quando o Jornal do Commercio, fundado por João Pessoa de Queiroz, foi publicado pela primeira vez. A edição de lançamento, toda em preto e branco, tinha apenas um caderno de 12 páginas, sem fotografias, num formato bem diferente das publicações atuais.

O jornal se instala num sobrado colonial, demolido nos anos 1930 para dar lugar a um prédio de estilo art déco, hoje ocupado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PE). Em 2006, o JC se transfere para a Rua da Fundição, bairro de Santo Amaro, na área central do Recife, onde antes havia apenas grandes armazéns para depósitos. Assim como a cidade, o JC também se transforma e continua escrevendo a nossa história.


Expediente

8 de abril de 2018

Diretoria

Laurindo Ferreira
Diretor de Redação do Jornal do Commercio
Maria Luiza Borges
Diretora de Conteúdos Digitais do SJCC
Beatriz Ivo
Diretora de Jornalismo da Rádio e TV Jornal

Edição

Diogo Menezes
Editor executivo
Betânia Santana
Assistente de edição

Conteúdo

Cleide Alves
Reportagem

JC Imagem

Arnaldo Carvalho
Editor executivo
Heudes Regis
Editor Assistente
Guga Matos
Fotógrafo

Vídeo

Danilo Souto Maior
Edição de vídeo
Eduardo Mafra
Animações

Design

Bruno Falcone Stamford
Editor de Artes
Karla Tenório
Editor Assistente de Artes
Moisés Falcão
Coordenador de Design Digital
Maryna Moraes
Designer

Fotos antigas

Acervo Museu da Cidade do Recife
Fotos de abertura
Acervo FUNDAJ-CEHIBRA
Foto de abertura