Suiça

Conhecida historicamente pela defesa, a Suíça chega ao Mundial com uma equipe qualificada e que pode surpreender nos aspectos técnico e ofensivo. O grande destaque é o meia Xherdan Shaqiri, do Stoke, da Inglaterra. O atacante Seferovic, do Benfica, também inspira cuidados. Os suíços serão os adversários do Brasil na estreia da Copa do Mundo, no dia 17 de junho.


Participações em Copas: 11º Copa

Títulos: Não tem

Em 2014: eliminado nas oitavas

Nas Eliminatórias: Classificou na repescagem após eliminar a Irlanda do Norte

Artilheiro: Seferovic (4 gols)

Melhor jogador: Xherdan Shaqiri

Ranking da Fifa: 6º

Time base: Sommer; Lichtsteiner, Schaer, Akanji e Rodriguez; Xhaka e Behrami; Shaqiri, Dzemaili e Zuber; Seferovic.

Técnico: Vladmir Petkovic

Convocados:

Goleiros: Roman Buerki (Borussia Dortmund), Yvon Mvogo (RB Leipzig - Alemanha) e Yann Sommer (Borussia Mönchengladbach);

Defensores: Manuel Akanji (Borussia Dortmund), Johan Djourou (Antalyaspor - Turquia), Nico Elvedi (Borussia Mönchengladbach), Michael Lang (Basel - Suiça), Stephan Lichtsteiner (Juventus), Jacques-François Moubandje (Toulouse), Ricardo Rodríguez (Milan) e Fabian Schaer (Deportivo La Coruña);

Meio-campistas: Valon Behrami (Udinese), Blerim Dzemaili (Bologna), Gelson Fernandes (Eintracht Frankfurt - Alemanha), Remo Freuler (Atalanta), Xherdan Shaqiri (Stoke City), Granit Xhaka (Arsenal), Denis Zakaria (Borussia Mönchengladbach) e Steven Zuber (Hoffenheim).

Atacantes: Josip Drmic (Borussia Mönchengladbach), Breel Embolo (Schalke), Mario Gavranovic (Dínamo Zagreb) e Haris Seferovic (Benfica).